Regionais - Thiago Flores ganha prêmio ‘Troféu Pau de Sebo’ do Oscar Gay 2017 - Notícias
« 1 2 (3) 4 5 6 ... 11059 »
Regionais : Thiago Flores ganha prêmio ‘Troféu Pau de Sebo’ do Oscar Gay 2017
Enviado por alexandre em 23/03/2017 17:53:52


O jornal ‘O Globo’ noticiou que tanto o prefeito de Ariquemes Thiago Flores, do PMDB, quanto as Faculdades Integradas Aparício Carvalho (FIMCA) e um de seus professores foram agraciados com o ‘Troféu Pau de Sebo’ do Oscar Gay 2017.

O grupo responsável pela premiação escolheu 12 vencedores do ‘Troféu Pau de Sebo’, que são acusados de homofobia. Para Luiz Mott, fundador do Grupo Gay da Bahia (GGB), o troféu às avessas permite apontar para posturas datadas:

— Mesmo que esperneiem, aumenta a cada ano o número dos gays e lésbicas assumidos e o apoio dos simpatizantes, além das garantias legais a favor de nossa cidadania — aponta.

Confira abaixo a íntegra da matéria

O Grupo Gay da Bahia (GGB), em uma tradição que já dura 26 anos, escolheu para 2017 os vencedores do Oscar Gay. Entre as mais de 20 personalidades, instituições e organizações que foram premiadas pelo Troféu Triângulo Rosa — uma referência ao símbolo que marcava os homossexuais durante o regime nazista —, estão a apresentadora Luciana Gimenez, que pediu respeito aos transsexuais; a lutadora de MMA Amanda Nunes, que se declarou lésbica publicamente; e o ambulante Luiz Carlos Ruas, espancado e morto no metrô de São Paulo após defender travestis.

O grupo escolheu também 12 vencedores do Troféu Pau de Sebo, acusados de homofobia. Para Luiz Mott, fundador do GGB, o troféu às avessas permite apontar para posturas datadas:

Mesmo que esperneiem, aumenta a cada ano o número dos gays e lésbicas assumidos e o apoio dos simpatizantes, além das garantias legais a favor de nossa cidadania — aponta.

Os premiados recebem pelo correio um diploma que representa os troféus. Já foram laureados com o Troféu Triângulo Rosa, em outras edições, nomes como Ruth Cardoso, Marta Suplicy e Caetano Veloso.

Confira os "vencedores".

Troféu Triângulo Rosa

1. Governo do Estado do Maranhão, que ergueu monumento em homenagem ao índio Tibira, considerado a primeira vítima de homofobia na história do estado

2. Assembleia Legislativa da Bahia, por rejeitar projeto de lei que criava do "Dia do Orgulho Heterossexual"

3. Ministério do Turismo, com divulgação de cartilha com dicas de bom acolhimento aos turistas LGBT

4. Ministro Edson Fachin, do STF, que acatou o pedido da Defensoria Pública da União (DPU) como amicus curiae em Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) que questiona proibição de doação de sangue por homossexuais

5. Assembleia Legislativa do Ceará, por aprovação, em comissão, de projeto que estabelece “diretrizes para o reconhecimento de uma política de combate a qualquer discriminação por raça, crença, orientação sexual ou identidade de gênero”

6. Câmara Municipal de Florianópolis, que aprovou projeto de lei que prevê multas e punições para agentes públicos, estabelecimentos e empresas que discriminarem LGBT

7. Prefeitura de Macapá, por garantir, por decreto, o uso do nome social para transexuais na esfera municipal

8. Universidade do Estado da Bahia, por abrir sindicância e afastar funcinári que acusado de discriminação a transexual

9. Biblioteca Mário de Andrade, que realizou mostra de filmes brasileiros com temática LGBT

10. Luiz Carlos Ruas, ambulante espancado e morto no metrô de SP ao defender travestis

11. Sindicato dos Metroviários de São Paulo, pelo repúdio ao assassinato de Luiz Carlos Ruas

12. Juiz André Augusto Salvador Bezerra, por declaração que “homofobia é uma verdadeira epidemia no Brasil”, determinando o pagamento de pensão à viúva de Luiz Carlos Ruas

13. Juiz Gilmar Ferraz Garmes, pelo parecer favorável à ação de retificação de prenome e sexo de transexual sem obrigatoriedade da cirurgia de redesignação genital

14. Juiz Fabricio Reali Zia, que determinou pagamento de indenização por boate que obrigou uma transexual a comprar ingresso masculino

15. Lutadora de MMA Amanda Nunes, por ser a primeira campeã a declarar-se homossexual

16. As cantoras Luiza Possi e a atriz Alessandra Maestrini, por assumirem-se bissexuais

17. O músico Galo Preto, que escreveu, em parceria com Wilson Freire, música com os versos “Homem com homem, não vira lobisomem/ mulher com mulher, não vira jacaré, cada um ama como quer!”

18. Cantora Simony, após participação em casamento comunitário com casais héteros e homossexuais

19. Luciana Gimenez, que falou na TV: "Você pode não entender, pode não aceitar, não quer pra você, tudo bem, mas respeite as transexuais"

20. Mateus Solano, Cauã Reymond, Wagner Moura, Marcelo Serrado e Marcos Veras, por terem se manifestado contra a homofobia, com beijos na boca e discursos

21. Dom Fernando Pugliesi, que celebrou cerimônia de matrimônio de casal gay

22. Padre Fábio de Melo, por posar em foto ao lado de travesti e defender a aceitação das pessoas independente da escolha sexual

23. Padre Roberto Francisco Daniel, excomungado da Igreja Católica por fazer declarações a favor da diversidade sexual

24. Comitê organizador da Olimpíada Rio 2016, pela inclusão de transexuais na programação cultural do evento e pelo reconhecimento do nome social nos crachás das voluntárias trans

25. Samsung, uma das patrocinadoras oficiais da Olimpíada, que incluiu um beijo gay na campanha "Desafiar barreiras"

26. C&A, que produziu um comercial para o Dia dos Pais com casal gay

27. Agência AlmapBBDO, por campanhas simpatizantes à cidadania LGBT

Troféu Pau de Sebo

1. Prefeito de Ariquemes (RO), Thiago Flores, que determinou retirada de páginas de livros didáticos com conteúdo sobre diversidade sexual

2. Faculdades Integradas Aparício Carvalho (RO) e professor por se recusarem a chamar pelo nome feminino a uma acadêmica transexual

3. Bar Stuart, em Curitiba, acusado de expulsar casal de lésbicas do local

4. Baby do Brasil, que falou durante carnaval de Natal (RN): "Todo homem é homem! Talvez tenha faltado uma boa mulher maravihosa”

5. Leo Santana, que no carnaval de Salvador (BA) afirmou respeitar os gays mas não entender, com "tanta mulher bonita", que tem "homem com homem que fica aí se beijando”

6. Pastor Ezequiel Teixeira, ex-secretário estadual de Assistência Social e Direitos Humanos do Rio de Janeiro, que fechou quatro centros de assistência à população LGBT, declarou-se contra o casamento homossexual e defendeu a cura gay

7. Pastor Milton França, por fixar e se recusar a tirar cartazes das paredes de sua igreja que diziam: "Se um homem tiver relacionamento com outro homem, os dois deverão ser mortos por causa desse ato nojento; eles serão responsáveis pela sua própria morte"

8. Ana Paula Valadão, a cantora gospel que criticou a C&A por campanha publicitária que valorizava a mistura de gêneros

9. Patricia Abravanel, que afirmou ser contra "ficar propagando em rede nacional que [a homossexualidade] é normal"

10. Benedito Rui Barbosa, por declarar: “Odeio história de bicha. Pode existir, pode aceitar, mas não pode transformar isso em aula para as crianças. Tenho dez netos, quatro bisnetos e tenho um puta orgulho porque são tudo macho pra cacete.”

11. MC Bin Laden, funkeiro, por declarar-se ser contra o casamento gay, em entrevista

12. Irmãos Piologo, criadores do programa "Partoba", por piada em que menino é repreendido por estar assistindo o filme "High School Music" — que não seria "filme de homi (sic)".

Fonte: O Globo

Regionais : CERON É A 5ª PIOR DISTRIBUIDORA DE GRANDE PORTE DO BRASIL, DIZ ESTUDO DA ANEEL
Enviado por alexandre em 23/03/2017 17:50:51


Os consumidores de Rondônia estão cobertos de razão quando discriminam os serviços prestados pelas Centrais Elétricas de Rondônia (CERON). Segundo avaliação feita pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), a CERON é a 5ª pior distribuidora de energia do país.

A classificação é baseada na quantidade de interrupções no fornecimento de energia e na duração dessas falhas ao longo de 2016. O ranking, divulgado no dia 17 de março, catalogou 32 concessionárias de grande porte entre elas a CERON. Mesmo assim, em comparação em 2015, a empresa melhorou os seus serviços de acordo com a análise da Aneel.

Na lista, a CERON só perde para CEAL, ELETROPAULO, AMPLA E CELG-D sendo que esta última ocupa a pior colocação entre as avaliadas. Já as melhores colocadas no ranking de qualidade foram a Cemar, seguida da Coelce e da EPB. A distribuidora que mais evoluiu em 2016 foi a Energisa Mato Grosso com um avanço de 16 posições em comparação ao ano de 2015.

“O ranking é um instrumento que incentiva as concessionárias a buscarem a melhoria contínua da qualidade do serviço. Desde 2013, o ranking é utilizado para definição das tarifas de energia elétrica. As empresas são incentivadas a melhorar a qualidade e são compensadas por meio de ajuste em suas tarifas”, diz nota da ANEEL.

A Agência informou também que em 2016 o sistema de distribuição de energia elétrica ficou disponível 99,82%. Isso significa que, das 8.760 horas do ano, os consumidores ficaram 15,82 horas em média sem energia, uma redução de 15% ao valor registrado em 2015. “É o melhor desempenho das distribuidoras desde 2008, saindo em 2015 de 18,60 horas, em média, de duração de interrupção de energia (DEC*) para 15,82 horas ao ano”, completa o informativo.

Fonte: NewsRondônia

Regionais : PORTO PÚBLICO DE PORTO VELHO EMBARCA PRIMEIRA CARGA DE MADEIRA DA BOLÍVIA PARA O EXTERIOR
Enviado por alexandre em 23/03/2017 17:48:24


Antuérpia, na Bélgica, é a primeira cidade no exterior que receberá madeira proveniente da Bolívia despachada no Porto Público de Porto Velho, uma inédita operação que marca o início de um projeto de se adotar um corredor de exportação de produtos daquele país andino, utilizando-se da estrutura portuária da capital de Rondônia, ao invés dos portos de Arica no Chile e de Matarani, no Peru.

“O porto de Porto Velho é local estratégico para escoar a produção brasileira, da Bolívia e também do Peru, criando uma integração latino americana a partir da nossa capital”, destacou o governador em exercício Daniel Pereira, que na tarde desta terça-feira (22) promoveu uma exposição das potencialidades do porto e atuação da empresa BDX Florestas.

Mediante contrato temporário firmado com a Sociedade de Portos e Hidrovias de Rondônia (SOPH), a empresa tem se utilizado há pouco mais de um ano das instalações existentes no porto público para viabilizar a exportação de floresta plantada para o exterior.

Por ser o único alfandegado da região Norte, uma condição que envolveu esforços do governo de Rondônia, da Soph e de setores empresariais capitaneados pela BDX Florestas, o porto público de Porto Velho apresenta condições para encurtar distâncias na exportação de produtos da vizinha Bolívia.

O caminho das 28 toneladas de madeira armazenada em contêiner já vistoriado, fiscalizado e lacrado no porto pela Receita Federal e Polícia Rodoviária Federal totalizou da Bolívia até Porto Velho 330 quilômetros. “Seriam 1.700 quilômetros se fossem até o porto de Arica , no Chile ou 2.700 para o porto de Matarani, no Peru, e tem de cruzar os Andes, com carga limitada. Os bolivianos estão eufóricos com a rota que pode consolidar a exportação pelo porto de Porto Velho”, disse o diretor Comercial da BDX Florestas, Dario Lopes.

Por sua condição de área alfandegada, o porto público está sujeito ao controle aduaneiro das autoridades, o que facilita o percurso dos produtos por ele escoados para o exterior. A carga de madeira enviada pela BDX Florestas irá agora de balsa até Manaus, mas lá não passará por controle algum, apenas transferida para um navio, rumo ao exterior.

“Isso possibilita resolver o problema do transporte de cargas do Peru vindo para Porto Velho. Antes, esse produto iria primeiro via Canal do Panamá, ia para Santa Catarina e vinha de carreto para cá, ficando três ou quatro vezes mais caro do que enviado diretamente a nós, que podemos comprar e vender produtos para o Peru”, completa Daniel Pereira.

O coordenador de Gestão Portuária da Soph, Edemir Monteiro Brasil, fez uma exposição para empresários, deputados e para setores da imprensa sobre a evolução da atividade portuária pública na capital. Ele acredita no projeto de abrir um corredor de exportação a partir da Bolívia em razão da menor distância. “Hoje as cargas da Bolívia saem até São Paulo para dar volta no Atlântico, pegar o Pacífico no Panamá, ir para o Peru ou Chile, isso é um absurdo.”

Há no porto público, área com 220 mil metros quadrados, um subaproveitamento do espaço. Dessa área, apenas um quinto está sendo utilizada, ou seja, 50 mil metros quadrados. A BDX Florestas, segundo Edemir Monteiro, ocupa sete mil quadrados a partir de um contrato temporário firmado com a SOPH, por 18 meses, prorrogáveis por igual período.

“É gerada, com esses contratos, uma renda mensal ao porto, baseada no valor fixado por metro quadrado ocupado”, afirma Edemir. Segundo ele, até 2013 a única forma de se instalar no porto era por arrendamento, mais burocrático e de longo prazo (25 anos), inviabilizando projetos de pequenas e medias empresas.

“O contrato temporário abre a possibilidade de uma empresa menor testar uma nova ação, um projeto, que não seja pelo arrendamento. Se der certo a atividade, parte para o arrendamento”, afirma. O ganho, para a cidade de Porto Velho, é a movimentação da atividade de comércio e serviços e geração de empregos.

Estiveram na sede administrativa da Soph para a exposição os deputados Maurão de Carvalho, presidente da Assembleia Legislativa, Léo Moraes e Lebrão; o subchefe da Casa Civil, Waldemar Albuquerque; representante da Superintendência de Desenvolvimento de Rondônia Alisangela Lima; dirigentes da Federação das Indústrias de Rondônia (Fiero); e empresários.


secom

Política : EXPEDITO NETTO
Enviado por alexandre em 23/03/2017 17:46:04


São Miguel do Guaporé ganha mais uma Unidade Básica de Saúde através de recursos do Deputado Federal Expedito Netto

A população de São Miguel do Guaporé já pode comemorar a construção de mais uma Unidade Básica de Saúde (UBS) no município. Através da emenda de R$ 408 mil reais do Deputado Federal Expedito Netto (PSD-RO), a região central da cidade ganhará mais um local de atendimento médico aos moradores.

O Ministério da Saúde, através do Fundo Nacional de Saúde, lançou no último dia 20 o pagamento da primeira parcela na conta da Prefeitura para o início da obra.

Satisfeito com a liberação do recurso, Expedito Netto explica que a UBS chega a atender 80% dos problemas de saúde da população, o que acaba liberando os hospitais para o atendimento de casos específicos.

“Mais do que um local para atendimento, as Unidades Básicas de Saúde oferecem consultas médicas e odontológicos, curativos, vacinas, coletas de exames laboratoriais, ente outros. A UBS é sempre o primeiro contato entre o cidadão e o SUS”, detalhou Netto.

A nova Unidade Básica de Saúde, que foi solicitada pelo Prefeito Cornélio (DEM-RO) e pelo Paulinho da Farmácia, será construída na Rua Rodrigues de Almeida com a Rua Waldermar Coelho, no centro da cidade.

Ainda para o município de São Miguel do Guaporé, o parlamentar destinou o recurso de R$ 250 mil para aquisição de equipamentos para o Centro de Saúde José Dias da Silva, Unidade de Saúde Planalto e Unidade Prisional. O valor já está na conta da Prefeitura e em processo de compra dos equipamentos.

Para 2017, Expedito Netto indicou R$ 650 mil em emenda individual ao município para iluminação de avenidas e aquisição de material penso para as unidades de saúde e R$ 825 mil em emenda de bancada para aquisição de secador de café, escavadeira hidráulica e retroescavadeira.

“A UBS é uma demanda antiga da cidade e é com muita alegria que iremos construí-la. Trabalhar pelo desenvolvimento de São Miguel promovendo melhorias aos moradores é o nosso objetivo”, enfatizou Netto.

ASCOM

Regionais : Vereador Celso Coelho acompanha serviço de recuperação das estradas vicinais
Enviado por alexandre em 23/03/2017 17:44:10


Vereador Acompanha Trabalhos Na linha 101
Atendendo pedido do Edil Celso Coelho PRP o Prefeito Vagno Panisoly ordenou que fosse realizado na linha 101 trabalho de retirada de atoleiro, onde será realizado em toda malha viária rural de Ouro Preto do oeste.

Os trabalhos foram realizados com uma Pá carregadeira, uma caçamba, uma moto-niveladora e um carro de apoio.
E comum neste período do ano ocorrer este tipo de problemas diz o Vereador Celso coelho, logo que constatamos de imediato entramos em contato com o Prefeito Vagno Panisoly que não mede forças para agilizar os trabalhos. Também estamos realizando trabalhos de recuperação de pontes, bueiros onde quem sai ganhando e a população rural de nosso município diz Celso Coelho,


ascom

« 1 2 (3) 4 5 6 ... 11059 »