Brasil - Pastor é acusado de estuprar a própria filha em Machadinho - Notícias
Brasil : Pastor é acusado de estuprar a própria filha em Machadinho
Enviado por alexandre em 28/04/2010 10:36:04




Um pastor evangélico do município de Machadinho do Oeste esta sendo acusado de ter estuprado e cometido outras práticas constantes de abuso sexual com sua própria filha (uma menina de 15 anos).

O caso foi registrado na delegacia de Machadinho do Oeste (Ocorrência número 777) pelo tio da vítima, que disse à polícia que não suportava mais a abominável prática por parte do próprio pai.
O tio ainda disse, em seu depoimento, que o pai vinha abusando sexualmente da menor há anos.

Ele apontou o acusado como pastor de uma pequena congregação que faz parte do núcleo da Igreja Evangélica Assembleia de Deus, cuja sede estadual é em Porto Velho.

Ainda foi informado à polícia sobre uma suposta gravação na qual a vítima teria confessado os abusos sexuais praticados pelo pai. Mas, segundo o tio, quando o pai acusado soube da gravação que estava arquivada no celular da vítima, conseguiu tomar posse e fugiu do município levando consigo a gravação. A polícia apura o caso.


Fonte Correio Popular de Rondônia

Autor ouropretoonline.com

Regionais : Lista tem nomes dos amigos e inimigos dos Gay no Brasil
Enviado por alexandre em 28/04/2010 10:28:36

Política : SEGURANÇA
Enviado por alexandre em 28/04/2010 10:22:57



Alunos do CFO da Polícia Militar de Rondônia participam do Estágio de Ações em área de selva



Os alunos do 2º ano do Curso de Bacharel em Segurança Pública (Curso Formação de Oficiais da PMRO) iniciaram às 22 horas do ultimo dia 25 de abril, o 1º Estágio de Ações e Operações em área de Selva, com término previsto para as 14 horas do dia 1º de maio. São 50 alunos masculinos e seis femininas.

O Estágio de Ações e Operações em área de Selva tem como objetivo cumprir grade curricular prevista para o curso, assim como avaliar os futuros Oficiais Combatentes quanto a sua adaptabilidade a atividade policial no que se refere a vários atributos imprescindíveis a esse tipo de servidor público, entre eles: Disciplina, coragem, iniciativa, tenacidade, resistência a esforços prolongados, companheirismo, capacidade de liderança e de trabalho em grupo, equilíbrio emocional, capacidade física acima da média, entre outros atributos físicos e morais.



Durante o período de treinamento, os alunos serão instruídos acerca de técnicas de progressão e orientação em área de selva; obtenção de água e alimentos; construção de abrigos; transposição de obstáculos naturais; primeiros socorros, finalizando com uma avaliação pratica de sobrevivência na selva.

O estágio, além de forjar atributos imprescindíveis, se reveste de elevada importância para a formação do futuro Oficial combatente em razão das peculiaridades geográficas da região amazônica.

As instruções estão sendo ministradas por Oficiais Combatentes da PMRO com e especializações em Operações Especiais, acompanhados e supervisionados pela Direção de Ensino da Polícia Militar do estado de Rondônia, tendo como princípio a formação com responsabilidade e segurança.

**

AIPMRO.’. Lenilson Guedes.’.

Regionais : Prefeito Célio e comitiva de empresários visitam produtor de soja em Espigão
Enviado por alexandre em 28/04/2010 10:16:09

Justiça : LISURA?
Enviado por alexandre em 27/04/2010 23:37:17



Empresa cobra por cursos ministrados em auditório da Câmara de Ouro Preto

Uma empresa identificada como sendo Instituto Ágape Brasil entidade filantrópica com sede na cidade de Rio Verde de Mato Grosso, MS estará ministrando cursos de qualificação profissional em Ouro Preto do Oeste no período de 04 a 07 de maio.

O que chama atenção é que os cursos serão ministrados em uma sala da Câmara de vereadores denominada “plenarinho” e nos cartazes espalhados pelos organizadores é solicitado como taxa de inscrição (feito em uma loja de eletrodomésticos) 02kilos de alimentos não perecíveis, mas no mesmo cartaz diz que cada certificado de conclusão dos cursos relacionados a Secretariado, Recepcionista, Telefonista, Primeiro Emprego, Operador de Caixa, Técnicas de Atendimentos, Vendas e Telemarketing custa R$ 50,00 e os organizadores vão mais adiante ao afirmarem que os certificados são válidos como prova de títulos para concursos públicos, horas acadêmicas e comprovação curricular.

Como os cursos serão ministrados em um órgão público legalmente não deveria ser cobrado e no caso da Câmara municipal de Ouro Preto do Oeste tem uma determinação proibindo tal pratica.

Ao ser questionado do fato o presidente da Casa de Leis vereador Gilvanes Fernandes (PTN) disse que não sabia que a empresa estava cobrando pelos cursos. Segundo o presidente o espaço físico foi cedido sem ônus para os organizadores que não falaram que iriam cobrar valores financeiros.

“Vou procurar me interar da situação”, limitou-se a informar o presidente Gilvanes.

Para o vereador Almir Barbosa (PT) é preciso que a empresa (Instituto Ágape Brasil) mostre transparência nos fatos mencionados assim como a Câmara faça valer uma norma interna que proibi empresas cobre valores financeiros das pessoas quando as mesmas estiverem utilizando o espaço físico da Câmara que por seu turno não estipula qualquer cobrança monetária peça cessão do espaço.

O Ministério Público deverá ser oficializado da situação para que as medidas cabíveis sejam adotadas conforme preconiza a Lei.
A reportagem tentou um contato com o Instituto Ágape Brasil pelo fone (67) 3292.5408, mas só chamava e ninguém não nos atendeu.

Autor: Alexandre Araujo

Fonte: ouropretoonline.com